terça-feira, 5 de julho de 2011

"O amor tem o poder de prolongar as distâncias. Os passos perdem a pressa. Chegar não é o mais importante. O encanto está no ir. Um ir eterno, sem destino, sem tréguas. Um chegar que não chega nunca."


(Fábio de Melo - Mulheres de Aço e de Flores)  

Nenhum comentário:

Postar um comentário