segunda-feira, 4 de julho de 2011



"Depois que o amor passa, ela costuma achar ridículo aquele quem amou."
(Fernanda Young)

"Cansada de tudo que começa. Hoje eu queria alguma coisa que continuasse."
(Tati Bernardi)


"Solidão não cura com aspirina."
(Zeca Baleiro)

"Eu queria saber como é que se guarda alguém pra sempre, sem o fio que amarra os dias."
(Briza Mulatinho)

"Quando o medo não evita, o amor acontece."

(Gabito Nunes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário