quinta-feira, 24 de março de 2011

É sim , é amor.


E ele insiste em me ligar, atender a todos meus pedidos, e aceitar tudo que eu falo. Pra mim ele é uma fonte inesgotável de amor, se for visto pelo bom lado. Mas, se for visto pelo outro, parece  mais uma falta inaceitável de amor próprio. Como pode uma mesma pessoa  abrigar duas percepções completamente diferentes uma da outra. Tento entender, por que você ainda me procura? Por que me liga? Por que atende as minhas ligações? E não acho resposta. Mais procuro acreditar que seja apenas uma vontade tua, de estar ao meu lado mesmo sabendo, que nunca te pertenci, e nem vou te pertencer. Pois é exatamente isso que eu faço com a pessoa que amo.
A gente sempre ama alguém que não corresponde aos nossos sentimentos. Enquanto existe por aí , perdido ou claramente obvio existe alguém que faz por você tudo aquilo que você quer que façam.
(Elline Fortaleza)

Nenhum comentário:

Postar um comentário